Redação do ENEM 2014

37

Redação-no-ENEM-2014Fazer uma boa prova de Redação não quer dizer evitar um ou outro erro de gramática. No geral, a redação precisa expressar um bom entendimento do tema que foi apresentado, conter 2 ou 3 argumentos fortes que evoluam gradativamente, mostrar uma proposta inovadora e ética para resolver a situação problema. A prova deve ser composta por introdução, desenvolvimento e conclusão. Ela deve ter coesão e coerência. Confira alguns erros de português comuns em redações para que você possa evita-los e assim tirar nota mil na Redação ENEM 2014.

1-Onde e aonde

Onde se refere a um lugar. Indica permanência, um local que acontece ou ocorre algo. Uma ideia estática. Costuma vir acompanhado de verbos que demonstram permanência ou estado. Ex: “Onde você está?”

Aonde dá ideia de deslocação. Não é um lugar fixo. Costuma vir acompanhado de verbos que demonstram movimentos,

Ex: “Aonde você irá depois da aula?”

2- Concordância verbal e nominal

A concordância verbal acontece quando o verbo se flexiona para concordar com o seu sujeito.  Há casos especiais, e o candidato deve estudar com atenção cada particularidade. Já a concordância nominal é baseada na relação entre um substantivo – que pode ser pronome, ou numeral substantivo – e as palavras que a ele se ligam para caracterizá-lo, como por exemplos adjetivos, artigos, pronomes adjetivos, numerais adjetivos. Em resumo, trata-se  da relação entre nomes.

3- Gírias e palavras chulas

Estas devem ser evitadas a todo custo. Deixe as gírias para o bate papo na internet com amigos. Adote uma linguagem formal, mas evite palavras complicadas. Seja simples e claro.

4- Primeira pessoa do singular

Não use, de forma alguma o “eu” nas provas de Redação. É válido lembrar que a prova do ENEM é do gênero dissertativo-argumentativo, ou seja, a impessoalidade é predominante. É até aceitável o uso da primeira pessoa do plural, “nós”, porque significa coletividade.

5- Haver e existir

Erro constante nas provas de Redação é o uso dos verbos haver e existir. O verbo Haver no sentido de “existir” é impessoal, ou seja, sem sujeito, dessa foram deve ser usado no singular. Ex: “Nesta curva já houve diversos acidentes”

Já o verbo existir é pessoal e deve concordar com o sujeito. Ex: “Existem vários tipos de caipiras no Brasil.”

Pronto para tirar 1000 na Redação Enem 2014?