12 vezes em que foi impossível demais falar português

6347

Para os brasileiros e para os estrangeiros, o português é a linda mais difícil de se falar em todo mundo. Acontece que nossas exceções, irregularidades, regências e conjugações costumam dar dor de cabeça em quem vem de fora. Confira a seguir 12 vezes em que foi impossível demais falar português.

1 – Quando aprendemos por obrigação a usar a pessoa “Vós”, mesmo sabendo que não iriamos utilizá-la em nenhuma circunstância.

2 – Quando não houve uma regra única e simples para utilizar o hífen. “Para letras iguais, use hífen”. Para letras diferentes, sem hífen”. “Use quando tem som forte”     . “Usa depois do pós-, pré- e pró”.

3- Quanto tentaram explicar a língua portuguesa criando nomes ridículos e complicados. Como: Sujeito Preposicionado, Pretérito Imperfeito do Subjuntivo, Análise Morfossintática, Oração Subordinada Substantiva, Palavras Proparoxítonas.

4- Quando você tentou, em vão, utilizar os verbos “vir” “ver” e “rir”.

5- Quando você quis usar a crase. Às vezes tem crase, mas a prazo não.

6- Quando criaram o Ç, mas não criaram para ele um som separado. Pelo contrário, deram a ele o mesmo som do C e do S, e pior, o mesmo som do SC e do SS.

7- Quando criaram quatro formas diferentes de escrever POR QUE / PORQUE / POR QUÊ / PORQUÊ, e você ficou perdido na hora de fazer uma pergunta ou explicar o motivo de estar ausente.

8- Quando criaram duas palavras com o mesmo som, mas com diferentes significados e você ficou perdido na hora de usar Concerto X Conserto / Sessão X Seção / Apreçar x Apressar / Censo X Senso / Paço x Passo / Acender X Ascender / Cela x Sela / Serrar X Cerrar /

9- Quando algumas palavras em português apresentam mais letras do que as palavras em alemãs: FONOALDIOLOGIA, OTORRINOLARINGOLOGISTA, OTORRINOLARINGOLOGIA.

10- Quando deixaram palavras com significados diferentes, serem escritas extremamente iguais. PARA e PARA / PELO e PELO / MOLHO e MOLHO / GELO e GELO / COLHER e COLHER.

11- Quando traduzir frases e palavras do português para outras línguas foi impossível, mais do que ganhar na loteria.

12- Quando palavras que pareciam estar muito erradas, na verdade estavam certas: Intermedeia / Supérfluo / Penteia.